Para você pensar sozinha

Domingo, 06 de março de 2016

Ficar sozinho pode parecer assustador para alguns, mas não é não.

“Ser sozinha é diferente de estar sozinha”. Ninguém está sozinho, você tem alguém, pode ser de sua família ou um amigo, namorado (a). Agora estar sozinha é outra coisa. Ficar sozinha é morar com você mesma, ou até mesmo, morando com seus pais querer um momento para você.

É natural em mim isso. Vivo com meus pais e irmãos – e amo muito! – , porém, às vezes, gosto de ficar no meu canto a pensar, ler ou simplesmente ouvir a minha alma. Vivendo a paz comigo mesma.

Isso todo mundo deveria fazer, faz tão bem pra alma e corpo. Em nossa rotina, muitas vezes, barulhenta e cheia de pessoas, você acaba deixando seu eu de lado. Ou nem tempo dá. Se quiser tem como.

Hoje tive contato com ilustrações fantástica de Idalia Candelas – do México. E em sua arte é disso que ela trata. Como a solidão faz bem. Desde simples momentos, como você deitada em uma cama só sua, até o momento do café.

Abaixo, separei algumas para ilustrar o post. Se divirtam e fiquem mais sozinhos, nem que seja 10 minutinhos. E com o celular em off, tá?!

Uma cama grande só sua. Ah… 🙂

Ficar de pijama ou roupa íntima pela casa.

Deitar e pensar, após um longo dia de trabalho.

Um chá e o sossego para ler um livro.

Tomar banho de porta aberta é muito bom 🙂

Fotografia: A vida dos Tiébélé

Nesta sexta-feira (04) quero compartilhar o incrível trabalho de Rita Willaert, fotógrafa que registrou um povo reservado e longe dos nossos olhos. Em um trabalho pela África, Rita registrou a vida, o trabalho e o cotidiano do povo Tiébélé, que vivem em Burkina Faso. Um lugar jamais visitados por turistas – antes – . Esse vilarejo fica em uma colina de frente para a savana africana.

Além dessa curiosidade e das belas fotografias de Rita o lugar tem uma arquitetura fantástica. Com casas construídas de barro, elas são circulares, com pinturas geométricas na própria argila. Abaixo separei algumas fotografias, e também, o link do Flickr de Rita. 🙂

Rita – Flickr

 

Garimpando estilo fazenda

Fazenda pra mim é sinônimo de conforto. Mas não é bem assim no dia a dia. Vejo com o trabalho que meus avós dedicam a chácara que temos. Fazenda é lugarzinho de trabalho e cuidado constantes. É tranquila, não tem os barulhos da cidade grande, mas o trabalho é pesado. Desde o plantio até a colheita, o cuidado é necessário, pois os perigos estão por todos os lados, desde as pragas da lavoura até as fortes chuvas.

Mesmo pedindo bastante de nossa parte eu amo fazenda, amo estar perto da natureza e dos bichos. Poder sair e fotografar a rotina e o convívio é uma alegria. Cada clique que faço eternizo em mim esse sentimento. Tudo o que é campo me deixa assim meio encantada. Nem a moda escapa. Juro, se pudesse me vestiria assim pra sempre, todavia como moro e trabalho na cidade não posso ter esse privilégio.

Porém, morar no campo já está na minha lista de desejos. Sim, gosto de fazer listas de coisas importantes. É uma forma de marcar, mais uma vez, eternizar um momento de minha vida. Gosto de recordações, pois acredite, são elas que nos ajudam a recordar quem somos.

Abaixo, separei alguns looks que com toda certeza eu usaria. 🙂

Campaign: Ralph Lauren  Season: Spring 1984  Photographer: Bruce Weber  Model(s): Clotilde:

De todas as fotografias essa é a que mais me traduz – estilosamente falando – hehe <33

Ace & Jig Haystack Carter Top:

70s Road Trip Editorials - The Cosmopolitan Australia 'I'll Take You There' Photoshoot is Retro (GALLERY):

Gypsy Lolita: Road To High Desert:

visual optimism; fashion editorials, shows, campaigns & more!: country strong: gertrud hegelund by stefania paparelli for elle australia april 2014:

TheyAllHateUs | Page 8:

Ralph Lauren:

Ulia True by Ross Laurence for Fashion Gone Rogue #fashion #editorial  - beautiful editorial!:

Imagens: Pinterest

O começo de um amor

blog3

A primeira fotografia que escolho para ilustrar e guardar na web é essa em que estou na chácara junto com meus cavalos. Pois não tem fotografia melhor para descrever meu final de semana e eu. Um singelo amor que começou de repente, sem pretensão de acontecer. Simplesmente sai um final de semana com os amigos de meu pai, e um passeio de a cavalo estava programado. Eu não sabia. Meu pai sim! Nunca tinha visto de perto um bicho desses. Recebi o convite de montar, na hora me veio o receio. Um animal tão grande, e se caio? Não, não!

Contudo, durante o dia vendo eles andando e correndo pra cima e pra baixo me veio uma coragem. Como se todo medo e desconhecimento sumisse de meu peito. E no dia, para ajudar, estava de vestido. Me lembro muito bem, era um vestido jeans com a saia rodada de algodão na cor rosa. Como tinha apenas 11 anos de idade eles me colocaram no menor cavalo, o Torrão – hehe uma gracinha – pena não ter registrado esse momento com fotografia – outro amor meu – .

blog6

Foi lá com meus 11 anos que me apaixonei pelo cavalo e pelo campo. E é isso que quero pra mim hoje. Não que a cidade não me agrade, pelo contrário, adoro a cidade, mas amor mesmo é pelo campo, pelo rural e pela natureza. Gosto de simplicidade – não pensem a simplicidade como a falta de subsídios para viver, mas sim aquela que significa dar risada das coisas ordinárias do dia a dia. Entenda o ordinária como aquilo que acontece todos os dias em sua vida. Por que sempre nos alegramos com o extraordinário? Se a vida nos momentos pequenos e rotineiros também é bonita.

Eu escolho viver assim. Na minha chácara (onde posso cuidar dela e fazer o meu conto dos sonhos), dos meus cavalos e das minhas fotografias.

blog2

Doce Outubro

O mês começou e com ele novos surpresas chegaram para mim. Umas que eu descobri em mim e outras que me foram confessadas. Estou tentando viver com cada uma delas, não estou me esforçando a tentar entender ou esquecer, apenas deixei que ocupassem seus espaços em meu coração. O que vai acontecer depois? Não sei. Vamos ver!

Abaixo alguns momentos que quero guardar em meu caderno.

Outubro é um mês muito especial para mim, é o mês que minha mamãe nasceu ❤ e tem mais, veja aí…

É o mês de Nossa Senhora Aparecida

É o mês das crianças

É o mês das cigarras

É o mês de algumas frutas que amo como, a melancia, a laranja, a manga (…)

É o mês das flores que gosto como, girassol, copo de leite (…)

Domingo nas nuvens

É a chuva começar para o meu dia ficar mais alegre. Não que o sol não em traga felicidade, pelo contrário, dias de sol são no parque pulando e correndo atrás do irmão e, na maioria das vezes, com a câmera fotográfica juntinho de mim.

Música fofinha que achei pela web em uma noite de domingo com temperatura de 15°, mas sensação de 6°.

Abaixo fotografias, para inspirar a semana e colocar a criatividade a mil, e ainda, vida em forma de poesia. As fotografias são do Tumblr poeme-se (que eu amo <3).

Versículos do Amor

Após o sucesso da vitória a melhor comemoração é retirar-se um instante para a intimidade da prece.

(João 6,1-15)

do alto

O melhor brinde que podemos fazer é unir-se no cálice de lágrima, suor e sangue a serviço do irmão.

(Mateus 20,20-28)

branca

A escuta é qualificada pela prática; quando praticamos a palavra se torna uma semente que frutifica em nós.

(Mateus 13,18-23)

pitangueira

Mudanças…

Não! vocês não entraram no blog errado, esse é o Camporeja. hihi.Já fazia um tempo que eu queria dar uma mudada na página do blog, então resolvi postar uma foto minha no cabeçalho, deixar ele mais com a minha cara.hehe. É bom vocês reconhecerem que faz o blog e o mais legal é que a foto eu posso trocar de semana em semana. O legal é que não fica sempreee a mesma coisa, hehe. Eu curto isso!

Quis fazer esse post porque acho importante que vocês, meus leitores, saibam disso. Já que o blog vive de nós. 😉 Antes ele era bem clean, agora, quis colocar uma estampa atrás de florzinhas e coloquei na cor ver bem clarinha, pois, não quero que minhas fotos e vídeos briguem com o cenário. Então, espero que gostem! ❤

Um abraço!

Beijim!

Acessórios para cair na folia

Se você vai cair na folia do carnaval diferentemente de mim que tal algumas dicas de acessórios para o cabelo?

Calor, altas temperaturas, não dá né meninas? Por isso que tal se prendermos os nossos cabelos com laços ou turbinar o visual com fitas e muito mais?

 Mesmo não estando diretamente na folia, pois estarei na fazenda, todavia não deixarei de usa-los, já que o calor é para todos, segundo a previsão do tempo para semana que vem, porque hoje aqui, agora está ótimo de frio hihihi.

Vem ver? 😉

 

                           Imagem

 

Minhas escolhas… ❤

                                                ImagemImagem

                                                                                    Imagem

 

 

Legais não é?

Amando no momento esses lacinhos! <333333333

Beijim e vem #Folia!